Imprimir

Apresentação ou Consagração de Crianças. O que significa?

Nós não temos por hábito o batismo de crianças, mesmo sabendo que seja praticado por várias igrejas do cristianismo mundial, e as respeitamos. Porém, preferimos ficar com o exemplo de Jesus e o que se sucedeu em Sua vida.

Jesus aos quarenta dias de idade, foi levado ao templo por José e MariaLucas 2:22-24), para ser consagrado ao Senhor como ensinava a Lei de Moisés.(Êxodo 13:2,13)
Nas Sagradas Escrituras não há nenhum ensinamento 0u exemplos que autorizem o batismo de crianças. Conforme ensinamento do Novo Testamento, o candidato ao batismo deve ter se arrependido de seus pecados (Atos 2:38), e ter crido em Jesus Cristo (Atos 8:37). Aqueles que ainda não podem fazer o uso completo da razão, não estão em condições de cumprir esses dois requisitos. As crianças estão nesta condição. Por outro lado, as Escrituras ensinam acerca da apresentação pública das crianças a Deus, durante a qual pedimos ao Senhor que abençoe as crianças e a vida que elas terão pela frente. Quando assim procedemos, estamos seguindo a prática admitida pela Igreja de todos os tempos. Não é o batismo em água, e sim uma apresentação de crianças a Deus, uma ação de graças e de fé, uma súplica pela bênção divina.
Para a criança, esse ato não tem significado algum, pois ele nem sabe o que está acontecendo! Ele tem grande significado e muita responsabilidade para os pais cristãos!Por quê? Porque estes, no ato da consagração de seus filhos se comprometem publicamente e diante de Deus, que estarão se esforçando ao máximo para educar aquela criança nos caminhos do Senhor.

Há uma idéia errada de se trazer uma criança à igreja para ser apresentada ou consagrada a Deus, porque ela poderá morrer pagã.



Muitas vezes os cristãos dizem aos amigos que tiveram um bebê, e este está doente ou com algum tipo de problema, para levá-lo à igreja a fim de ser apresentado, porque assim ele melhorará ou ficará curado. Esta é uma idéia errada, como uma atitude errada, pois não tem o caráter da adoração. Somente os pais verdadeiramente cristãos devem apresentar ou consagrar seu bebê a Deus. Por que?

Primeiro: Somente os pais cristãos têm a exata noção do que já comentamos acima, acerca do estado de consciência do seu bebê.

Segundo: Eles compreendem o princípio espiritual da mordomia cristã (administrar com sabedoria e respeito, tudo aquilo que Deus nos dá ou empresta). Tudo o que Deus nos dá é um empréstimo. Na verdade nada é nosso nesta vida. Tudo é Dele! Cuidamos do nosso corpo, porque ele é o Templo do Espírito Santo. Procuramos não usar roupas sensuais porque queremos dedicar a parte externa do nosso corpo, a fim de não despertar desejos ilícitos às outras pessoas. Se compramos um carro, uma casa, um televisor, ou qualquer outra coisa, administraremos estas coisas para agradar ao Senhor, pois foi com a ajuda Dele que as conseguimos. Perceba que tudo o que possuímos, usamos para o nosso prazer, mas voluntariamente as devolvemos a Deus, num modo respeitoso como as usamos. Assim fazemos com o nosso dinheiro quando damos o dízimo. Tiramos dez por cento do nosso dinheiro e o levamos à casa do Senhor. (Gn.14:20; 28:20-22; Ml.3:8,10; Mt.23:23; Lc.11:42) Com a criança é a mesma coisa. Ela veio com a permissão de Deus. Foi a vontade de Deus que ela viesse. Portanto os pais devem ensiná-la nos caminhos de Deus. (Provérbios 22:6)

Terceiro: A atitude interior dos pais ao consagrar seu bebê em oração deveria ser:"Nós, pais de........, declaramos diante da igreja e do Deus de nossas vidas, que aceitamos esta criança vinda da parte do Senhor, e a estamos devolvendo a Ti ó Santíssimo, para que a tomes em teus braços, pois ela é tua. Esta criança é filho dos teus filhos, é a tua herança na terra e nos céus ó Senhor, para que por meio dela o mundo conheça a Ti como o Único e Verdadeiro Deus.
Por isso pedimos a tua proteção sobre ela, e principalmente sobre nós, para que possamos educá-la nos Teus Caminhos. Nos ajude a compreender melhor a Tua Palavra, para que em nossa casa possamos compartilhá-la com esta criança no período de seu crescimento, a fim de que ela, atingindo a idade da razão, venha aceitar voluntariamente a Ti Jesus como Salvador e Senhor de sua vida, desejando batizar-se nas águas como nós desejamos e fomos. Que ela tenha o desejo de seguir voluntariamente a Ti como nós temos feito, realizando a Tua grande obra na terra como nós a temos realizado, que é a de mostrar às pessoas a salvação em Jesus Cristo o Messias prometido. Que ela ame a tua Igreja como nós a amamos. Que ela sinta prazer de estar sempre com os irmãos na fé para Te servir e reconhecer a Tua maravilhosa presença. Que ela nunca se aparte dos teus ensinamentos enquanto viver sobre a terra, seja na enfermidade ou na saúde, na riqueza ou na pobreza. Nós pais Te engrandecemos e Te agradecemos por esta criança. Que ela seja uma bênção para nós, para a Tua Igreja como para Ti enquanto viver no Nome de Jesus. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!


Fontes: http://opregadorfiel.blogspot.com/2009/12/apresentacao-de-criancas.html
http://www.comunidadehebrom.com.br/site_novo/a_igreja/praticamos/praticamos.asp?ac=1&si=3

 

 

Domingo

9h00 Escola Bíblica

19h30 Celebração da Família
Terça
19h30 Ensaio Mulheres
Quinta
19h30 Culto de Oração